DÚVIDA

terça-feira, 16 de outubro de 2012

| | |
Procuro um desfecho
E são muitas direções
Uma rua sem saída, um labirinto,
Um vírus que corrói, que consome
A alma não se aquieta
E o pensamento voa...
O cérebro procura e não vê
O tempo não passa
Solução, cadê você?


=)

2 comentários:

Diene Batista disse...

Olá, _TaTHa_!Retribuindo a visita que você fez em meu blog! Abraço :)

_TaTHa_ disse...

Diene,

Obrigada pela visita
Sinta-se a vontade aqui

Bjs

=)