PRIMEIRO ENCONTRO

quinta-feira, 15 de abril de 2010

| | |
Era início de outono, fazia 21°C naquela noite de céu estrelado e lua cheia.

O inverno é por si só uma estação elegante. E elegância ela tinha. Ah, se tinha!

Bota de cano longo, bico fino e salto alto. Os fios dourados dos cabelos longos e bem escovados destacavam-se sobre o sobretudo preto, que cobria delicadamente todo seu corpo. Abotoado apenas nos primeiros fechos, criou um balanço que assemelhou o casaco a um vestido: ficou sexy. E para deixá-la ainda mais charmosa, a boina preta de veludo vestida diagonalmente, acobertando uma parte do rosto e o cachecol em tons bege, ocre e bordô. Ela estava simplesmente linda e eu ansioso.

Enquanto ela se aproximava para me cumprimentar, apenas a olhava, estava atônito. Não sabia o que falar, ela estava em meus braços. E que perfume...

Fomos jantar.

Na cantina tipicamente italiana, o menu, a música, a decoração, tudo pensado para trazer um pedacinho da Itália até São Paulo. Um ambiente muito aconchegante e agradável, propício para um encontro romântico. Então ela sinalizou um lugar para sentarmos, indicou uma mesa próxima à sacada. Um cantinho discreto e reservado e era exatamente isso que eu precisava para ficar mais próximo dela.

Minhas mãos estavam frias, tamanho nervosismo para conduzi-la à mesa.

O garçom trouxe carta de vinhos e escolhei um Cabernet Suavignon para acompanhar a massa e os molhos. Um vinho encorpado, forte e bastante requintado.

Entre uma taça e outra, tomei coragem para me aproximar e tocá-la. As mãos pálidas, esguias e de unhas bem feitas me encantavam. E como eram macias...

Ao vê-la mastigar fui hipnotizado pelos movimentos de seus lábios romã carnudos e bem desenhados. Queria beijá-la, queria senti-la próxima a mim.

E por um instante, esqueci onde estávamos, era somente ela e eu. Fui me inclinando, inclinando até que meus lábios tocassem os dela...

Meu coração palpitava e em minha face, apenas o sorriso estampava minha alegria.


=)

7 comentários:

André disse...

Adorei o texto,
gostei da narrativa
e também do local
massas e vinho!?
combinação perfeita
=D
se cuide
beijão

André disse...

Adorei o texto,
gostei da narrativa
e também do local
massas e vinho!?
combinação perfeita
=D
se cuide
beijão

_TaTHa_ disse...

André!

Que bom te-lo aki...
Eu também gosto de massas e vinhos. E cá entre nós, vinho é a bebida dos apaixonados.

=)

A Palavra Mágica disse...

Tatha,

Li tudo o que você escreveu, só não pude comentar.

Agora posso: mais uma vez você mostrou todo seu talento e genialidade com outro texto descritivo.

Um belo texto, uma bela mulher, um belo casal.

Uma bela escritora!

Beijos!
Alcides

_TaTHa_ disse...

Alcides

Já estava com saudades de você.
Ainda estou aprendendo... mas é praticando que se aprimora, não é mesmo.

=)

Thaís Melo disse...

Muito bom o texto!
Mas, apesar do "ansioso" no sexo masculino, quem o escreveu foi um homem ou uma mulher?

_TaTHa_ disse...

Thais

A autora do texto é uma mulher, no caso eu...rs
O eu narrador é um homem.

=)